Nintendo confirma que fará jogos para smartphones (e também que já trabalha em novo console)

Depois de anos e anos de especulações, sugestões, críticas e muto mais, a Nintendo enfim cedeu e vai fazer jogos para smartphones. Em partes.

Nesta terça-feira (17), a Big N anunciou uma parceria com a gigante japonesa DeNA para a produção de jogos para smartphones envolvendo suas tradicionais e populares franquias.

A “aliança” formada pelas empresas vai apenas criar novos jogos para dispositivos móveis com personagens e mundos da Nintendo. Eis o que diz a DeNA:

A aliança tem como objetivo complementar o negócio de sistemas dedicados de videogames da Nintendo, assim como ampliar o alcance da Nintendo para o vasto mercado de usuários de dispositivos inteligentes ao redor do mundo. Sob a aliança, a DeNA também vai conseguir fortalecer o negócio de jogos em uma escala global ao usar IPs da Nintendo. Para garantir a qualidade da experiência que os consumidores esperam dessa aliança entre Nintendo e DeNA, apenas novos jogos originais otimizados para funcionalidades de dispositivos inteligentes serão criados, em vez de portar jogos criados especificamente para Wii U ou Nintendo 3DS.

Em resumo, nada de ganhar aquela graninha fácil revendendo Super Mario Bros. de NES em mais um canal – aqui o negócio é criar jogo de smartphone de verdade, jogo desenvolvido com esses aparelhos em mente.

É verdade que a Nintendo vem experimentando aos poucos com jogos mobile – jogos de Pokémon para iPad são bons exemplos – mas parece que dessa vez ela vem com força. Ao deixar claro que o objetivo não é simplesmente adaptar jogos antigos às novas plataformas, a Nintendo mostra que vê uma boa oportunidade de usar os smartphones como uma forma de complementar a experiência em consoles e portáteis. E também apresentar suas franquias para um novo universo de jogadores, é claro – afinal, bilhões de pessoas carregam smartphones para todos os cantos pelo mundo, e isso dá muito mais gente do que a Nintendo consegue atingir mantendo só o 3DS, por exemplo.

Nunca fui muito fã da ideia da Nintendo entrar no mundo dos smartphones, ao menos não na forma como muitos sugeriam – abandono dos portáteis e consoles de mesa para se focar em pequenos jogos de smartphones. Não não, a Nintendo é boa demais criando jogos para se limitar a isso. Neste caso, ela parece ter dado a outra empresa a tarefa de produzir esses jogos. Isso pode ser bom. Até porque, como veremos a seguir, a Nintendo definitivamente não desistiu do mercado de consoles.

Nintendo NX

Além do negócio para jogos mobile, o presidente da Nintendo, Satoru Iwata, também aproveitou para falar sobre o futuro da empresa além dos smartphones. E esse futuro já tem até um nome interno – Nintendo NX.

“A Nintendo decidiu aplicar o negócio de videogames em dispositivos inteligentes, mas não por ter perdido a paixão ou visão para o negócio de sistemas dedicados de videogames”, disse Iwata, antes de confirmar que a Nintendo já prepara seu próximo “sistema dedicado de videogames” e ele será mostrado já no ano que vem!

Só resta saber se será um substituto para o Wii U, que, apesar de ter melhorado bastante a oferta de jogos, dificilmente se livrará do título “maior fracasso da Nintendo depois do Virtual Boy”, ou se será um sucessor para o 3DS (o que é mais difícil, considerando que recentemente ele ganhou uma versão turbinada). Ou então nada disso e uma mistura de console de mesa com portátil. Ou algo completamente diferente que nem temos ideia de como será.

Fonte: Kotaku

Tagged , , , , , , . Bookmark the permalink.
  • Melhor noticia que vai entrar na linha de Smartphones para jogos