Tecnologia FreeSync apresenta inconsistência em teste visual

Um dos maiores problemas combatidos pela sincronia de taxa de quadros e taxa de atualização do monitor é apresentar uma imagem em games muito mais suave sem artefatos visuais comumente conhecidos como “tearing”. Isso faz toda a diferença na experiência já que o jogador não verá problemas na imagem.

NVIDIA com o seu G-SYNC lançou esta proposta e segundo consta não tem falhas perceptíveis para nenhum nível da taxa de quadros. AMD contra atacou com o FreeSync, que em tese também usa a mesma proposta de sincronia porém implementado de uma forma diferente da NVIDIA, através de uma nova versão do padrão DisplayPort, dispensando hardware adicional a ser instalado dentro do monitor.

Pois bem, um vídeo do LinusTechTips lançou uma nuvem de dúvidas na tecnologia FreeSync da AMD, foi capitado em vídeo um monitor já compatível falhando ao reproduzir a imagem por volta de 40 FPS. Veja o vídeo:

Não se sabe exatamente o que aconteceu no tempo 02:40 do vídeo acima, mas ficou evidente uma falha na imagem ao rodar o techdemo da Lara Croft  com o FreeSync ativado, veja na imagem captada:

Na parte demarcada é nítido ver uma recomposição parcial da imagem com um outro quadro, este é o famoso efeito Tearing que acontece quando a taxa de atualização de quadros da GPU se torna muito mais inconstante do que a taxa de atualização do monitor.

Não dá para imaginar porque isso aconteceu, talvez o demo foi executado numa solução com pouca performance (APU?), talvez por isso ficou abaixo do realmente necessário para uma boa experiência. Mas é totalmente insensato a solução falhar a 40 FPS sendo esta uma taxa de quadros relativamente comum nos dias de hoje.

Segundo o apresentador, as soluções FreeSync podem variar de qualidade de monitor para monitor, se isso for verdade, podemos ter uma primeira safra de monitores FreeSync não tão bem implementados como gostaríamos.

De qualquer forma, não se tem nenhum review sério na internet comparando G-SYNC e FreeSync, então vamos aguardar assim que os monitores compatíveis com a tecnologia da AMD realmente chegarem ao mercado para melhores análises pelos sites revisores.

Fonte: Framebuffer

Tagged , , , . Bookmark the permalink.