Novo sistema recarrega 40 smartphones de uma vez sem usar fios

Não seria maravilhoso se os smartphones carregassem a bateria sozinhos, sem ligá-los na tomada ou colocá-los em uma base? Uma equipe de cientistas coreanos diz estar mais próxima de tornar isto uma realidade: trata-se de uma nova tecnologia para transferência de energia sem fio, que funciona – e muito bem – a 5 m de distância.

Basicamente, o sistema consiste de duas caixas que geram eletricidade sem fio, e tudo o que estiver entre elas pode usar essa energia.

São duas caixas de 3 m de comprimento, feitas de hastes com núcleo de ferrite compacto, com bobinas de fio no meio. Uma das caixas gera um campo magnético, enquanto a outra induz a tensão. Isso permite recarregar a bateria por indução magnética, um processo semelhante às bases wireless Qi atuais – mas sem exigir contato físico. Os cientistas chamam isto de DCRS (Sistema Ressonante de Bobina Dipolar).

Este sistema não é inteiramente novo: ele melhora a ideia básica por trás do CMRS (Sistema Acoplado de Ressonância Magnética), desenvolvido por cientistas do MIT em 2007. Uma equipe do Instituto Avançado de Ciência e Tecnologia da Coréia, no entanto, anunciou uma nova versão que simplifica e melhora o projeto anterior.

Os pesquisadores são ambiciosos sobre as implicações desta tecnologia: “Assim como vemos zonas Wi-Fi em todos os lugares hoje, nós teremos no futuro muitas zonas Wi-Power em lugares como restaurantes e ruas, fornecendo energia elétrica sem fio para dispositivos eletrônicos. Vamos usar todos os dispositivos em qualquer lugar, sem fios emaranhados e sema preocupação em carregar baterias”, diz o professor de engenharia Chun T. Rim em comunicado.

Rim e sua equipe não são os únicos com este sonho. Há diversos sistemas, em desenvolvimento no mundo inteiro, com planos de fornecer energia sem fio para tudo, de TVs a ônibus. Alguns gênios até desenvolveram uma forma detransformar sinais Wi-Fi em energia elétrica.

Bem, por enquanto, o DCRS ainda não está pronto para a adoção em massa: “a transferência de energia sem fio de longo alcance ainda está em um estágio inicial de comercialização, e é muito cara para implementar”, diz Rim. Mas eles acreditam “que esta é a direção certa para a energia elétrica a ser fornecida no futuro”.

Esta nova tecnologia certamente é promissora. No vídeo acima, a equipe mostra como eles podem alimentar um TV LED e três ventiladores sem usar fios. Eles também dizem que podem carregar até 40 smartphones a partir do outro lado da sala.

Mas observe como não há pessoas na zona de carga. Será que isto faz mal ao corpo humano? É uma questão que vale a pena responder, antes de tecnologias como esta chegarem perto de nós. [EurekAlert via GigaOm]

Fonte: Gizmodo

Tagged , , , , . Bookmark the permalink.