Mais detalhes da futura arquitetura gráfica “Pascal” da Nvidia

Pascal será a sucessora da arquitetura Maxwell e promete eliminar os gargalos que limitam o desempenho das GPUs. Apesar de alguns anos atrás a Nvidia ter anunciado sua futura arquitetura gráfica “Volta” como a sucessora da Maxwell, a empresa aparentemente decidiu adiar a “Volta” e em seu lugar anunciar sua nova arquitetura gráfica “Pascal“, em homenagem a Blaise Pascal.

A arquitetura gráfica “Pascal” terá sua estréia na futura família de produtos GeForce 1000 Series “GP10x”, prevista para lançamento em 2016. A arquitetura “Pascal” promete melhorias significativas em relação a Maxwell, já que promete oferecer um desempenho significativamente superior, eliminando os gargalos que limitam o desempenho gráfico e oferecendo um menor consumo.

A arquitetura Pascal será incorporada com duas novas tecnologias que ajudarão a combater os gargalos:

NVLINK

NVLINK chega para rivalizar com a recém-lançada tecnologia AMD CrossFire XDMA (encontrado em GPUs Radeon R9 290 Series “Havaí”) focada em eliminar os gargalos que limitam o desempenho dos sistemas multi-VGA/GPU, adicionando um canal de comunicação dedicado entre múltiplas GPUs, eliminando a necessidade de usar chips PCIe bridges e pontes SLI.

NVLINK promete oferecer largura de banda (1 TB/s), que é cinco vezes maior que a oferecida pelo barramento PCI Express 3.0, permitindo livre latência de comunicação entre múltiplas GPUs GeForce GP10x “Pascal” (4 ou mais), conseguindo superar todas as adversidades apresentes nas atuais configurações 2/3/4-Way SLI.

3D Memory

Conhecida Anteriormente como Stacked Memory, consiste em múltiplos chips de memória empilhados verticalmente (fabricação 3D), que devido a sua densidade, oferecerá largura de banda significativamente superior, coisa atualmente não vista ainda no seguimento, oferecendo menor consumo, graças as frequências de operação relativamente baixas.

O que mais nos oferece a arquitetura Pascal

A tecnologia Pascal é, provavelmente, a primeira arquitetura gráfica Nvidia 100% compatível por hardware com a recém-anunciada API gráfica Microsoft DirectX 12, graças ao qual será capaz de oferecer muitos novos recursos gráficos e computacionais, bem como um excelente desempenho por watt.

As futuras GPUs GeForce 1000 Series “GP10x” será a primeira geração de produtos Nvidia baseadas na arquitetura gráfica Pascal, com lançamento para 2016 e provavelmente será sucedida pela segunda geração ainda mais distante das GPUs Pascal: “GP11x” em 2017.

Fonte: Chw

Tagged , , , , , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.