Facebook anuncia compra da Oculus VR por US$ 2 bilhões

O Facebook acaba de anunciar a compra da Oculus VR, empresa responsável pelo desenvolvimento do Oculus Rift, por US$ 2 bilhões. O anúncio foi feito por meio de um post no blog oficial do Facebook.

De acordo com o comunicado, o Facebook vai pagar US$ 400 milhões em dinheiro e o restante em ações da empresa. Serão 23,1 milhões de ações, avaliadas atulmente em cerca de US$ 1,6 bilhão. O acordo ainda conta com uma cláusula que prevê mais US$ 300 milhões em dinheiro e ações com base na realização de algumas metas. A operação de compra ainda não foi concluída e deve ser finalizada até o fim deste semestre.

Mas por que o Facebook compraria a Oculus VR e qual o interesse da rede social no campo da realidade virtual? Com a palvra, Mark Zuckerberg, fundador e CEO do Facebook:

“Mobile é a plataforma do presente, e agora a gente está se preparando para as plataformas do futuro. A Oculus tem a chance de criar a plataforma mais social possível e mudar o jeito que a gente trabalha, joga e se comunica”, disse Zuckerberg.

Brenadn Iribe, co-fundador e CEO da Oculus VR, afirmou em comunicado que “está animado para trabalhar com Mark e com o Facebook para entregar a melhor plataforma de realidade virtual do mundo. “Nós acreditamos que a realidade virtual será fortemente definida pelas experiências sociais que conectam as pessoas. É uma tecnologia disruptiva que permite que o mundo experimente o impossível, e isso é apenas o começo”, afirmou Iribe.

Se você estava animado com as possibilidades do Oculus Rift para os games, por enquanto não há com o que se preocupar. O desenvolvimento do headset continuará com os engenheiros da Oculus VR no escritório da empresa em Irvine, na Califórnia. “O Rift é muito aguardado pela comunidade de games, e há muito interesses dos desenvolvedores na construção dessa plataforma. Nós vamos ajudar a empresa a construir seu produto e desenvolver parcerias para dar suporte a mais jogos. A Oculus VR vai continuar operando de forma independente do Facebook para atingir esse objetivo”, afirmou Mark Zuckerberg.

Projeto no Kickstarter

A Oculus VR, empresa por trás do desenvolvimento do Oculus Rift, foi fundada em 2012 por Palmer Luckey, Brendan Iribe, Michael Antonov e Nate Mitchell. Em agosto de 2013, a empresa contratou o co-fundador da id Software John Carmack, responsável pelo clássico Doom, como Chief Technology Officer (CTO).

Para iniciar o desenvolvimento do Oculus Rift, a empresa lançou uma campanha de financiamento coletivo no Kickstarter. A campanha arrecadou cerca de US$ 2,4 milhões em 2012 e, desde então, vários outros investidores ajudaram a financiar o desenvolvimento do Oculus Rift.

No fim de fevereiro, a Oculus VR anunciou que a produção do kit de desenvolvimento do óculos de realidade virtual estava parada por falta de materiais. A escassez é a prova do quão insanamente popular o Oculus Rift se tornou entre a comunidade gamer. O modelo atualmente à venda ainda não é a versão final do produto e é destinado apenas para quem quer desenvolver jogos usando o acessório, mas mais de 50 mil unidades já foram vendidas mesmo assim.

Veja o comunicado de Mark Zuckerberg, fundador e CEO do Facebook, após a aquisição na íntegra (em inglês).

Fonte: Kotaku

Tagged , , , . Bookmark the permalink.