Assassin’s Creed: Freedom Cry será lançado como título stand-alone

Hoje a Ubisoft anunciou que Freedom Cry, estará disponível também como um título solo. Antes anunciado como um DLC para o jogo Assassin’s Creed: Black Flag, agora a história de Adewale poderá ser joganda sem a necessidade do jogo original.

Por enquanto Assassin’s Creed: Freedom Cry vai estar disponível apenas pela PlayStation Network para o PlayStation 4 e o PlayStation 3. E vai custar cerca de 15 dólares, não será necessário possuir Assassin’s Creed IV: Black Flag para jogá-lo.

“Decidimos lançar Assassins Creed: Freedom Cry como um jogo stand-alone para os fãs e os recém-chegados ao universo Assassin’s Creed”, disse Tony Key, vice presidente de vendas e marketing da Ubi.

Freedom Cry é uma história independente com nove missões, e mostra o imediato de Edward Kenway, Adewale. Nascido escravo, Adewale encontrou a liberdade como um pirata a bordo do Jackdaw como segundo comando do capitão Edward Kenway.

Quinze anos depois, Adewale tornou-se um assassino treinado e encontra-se naufragado em Saint-Domingue sem armas e sem tripulação, começando uma nova aventura de sua própria autoria.

A expansão do último Assassin’s Creed recebeu tantos elogios quanto o jogo em si, explorando uma lado diferente do cenário político do Caribe no século XIX. O Evan Narcisse, do Kotaku US, deu boas razões para você descolar o DLC e descobrir por que ele merece tanto destaque.

Fonte: Jovemnerd / Kotaku

Tagged , . Bookmark the permalink.