Kinect ajuda a proteger fronteira entre Coreia do Norte e Coreia do Sul

A Coreia do Sul e a Coreia do Norte são separadas pela fronteira mais fortemente armada do planeta. Mas não se preocupe, há um novo guarda no pedaço: o Kinect.

O programado autodidata sul-coreano Jae Kwan Ko desenvolveu um software para Kinect que é capaz de monitorar a Zona Desmilitarizada da Coreia, faixa de território que separa os dois países. O sistema foi instalado na fronteira em agosto do ano passado, mas sua existência só foi reconhecida recentemente.

De acordo com o jornal sul-coreano Hankooki, o sistema baseado na tecnologia do Kinect identifica objetos cruzando a Zona Desmilitarizada e consegue diferenciar humanos de animais. Se um humano é detectado, o sistema envia um alerta para os guardas de plantão. Os detalhes mais técnicos deste esquema não foram divulgados porque envolvem questões de segurança nacional.

“Eu nunca imaginei que algo usado para jogos poderia realizar tarefas de defesa nacional”, afirmou o desenvolvedor ao jornal. No futuro, Ko afirma que o sensor irá detectar a frequência cardíaca e o calor dos objetos identificados, o que significa que a Zona Desmilitarizada da Coreia deve receber um Kinect para Xbox One em breve.

O Xbox One ainda não foi lançado na Coreia do Sul.

Fonte: Kotaku

Tagged , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.